sexta-feira, 24 de outubro de 2014

                                INALOTERAPIA

É o procedimento para realizar o processo de fluidificação das secreções ou reverter broncoespasmo no Paciente / Cliente.

FINALIDADES
Umidificar as vias respiratórias, fluidificar secreções da membrana mucosa do trato respiratório, para facilitar sua expulsão e ajudar no tratamento medicamentoso de doenças pulmonares.

INDICAÇÃO
Pacientes internados, ambulatoriais e de pronto
atendimento com prescrição médica.
                               CONTRA INDICAÇÃO
Pacientes com claustrofobia, pacientes com traumas ou queimaduras no rosto.

                                           Responsabilidade
Enfermeiro, Técnico de Enfermagem e Auxiliar de Enfermagem.
                                            RISCOS

• Intoxicação por concentrações altas de Oxigênio;
• Ressecamento da córnea, mucosa oral;
• Sensação de sufocamento.
                                          MATERIAIS

  • Bandeja,
  • Inalador,
  • Fluxômetro, 
  • SF 0,9% destilada ou Água (AD), 
  • Medicamento prescrito.

DESCRIÇÃO DA TÉCNICA
Procedimento
JUSTIFICATIVA
01- Higienizar como Mãos;
01-Diminui os microrganismos e profilaxia da infecção cruzada
02- Conferir a prescrição e reunir todo o material e levar junto ao paciente;
02- Evitar erros e facilitar a organização e o controle eficiente do tempo;
03- Colocar o SF 0,9% ou AD no reservatório do inalador e medicação
03- Conforme prescrição Médica;
04- Orientar o paciente sobre o procedimento
04- Reduzir ansiedade e propiciar cooperação;
05- Colocar o paciente em posição de “Fowler”
05- Permite que as micropartículas penetrem
profundamente nas vias aéreas;
06- Montar o sistema e conectar o inalador a rede de oxigênio ou ar comprimido através do fluxômetro
06- Para que o fluxo aja diretamente sobre o medicamento que está no nebulizador;
07- Regular o fluxo de oxigênio ou ar comprimido de acordo com a prescrição através do fluxômetro, verificando se há saída de névoa do inalador;
07- A regulagem do fluxo tem como finalidade prevenir ou evitar a intoxicação devido altas doses de oxigênio
08- Colocar a máscara sobre a face do paciente delicadamente e orientá-lo a respirar tranquilamente;
__________________________
09- Manter a nebulização/inalação durante o tempo indicado e observar o paciente;
__________________________
10-Deixar o paciente do Confortável;
10- Demonstrar preocupação com o seu bem estar;
11- Recolher o material para limpeza e guarda;
11- Manter em ordem o ambiente;
12 Higienizar as mãos;
12- Reduzir a transmissão de microrganismos;
13-Checar o Procedimento;
13- Informar que a ação foi realizada;
14-Realizar Anotações de Enfermagem no Prontuário.
14-Documentar o cuidado e subsidiar o tratamento;
Artigos 71 e 72 do Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem (Responsabilidades e Deveres).
BIBLIOGRAFIA
Manual de Procedimentos Para Estágio Em Enfermagem - 4ª Ed. 2013
Silva, Marcelo Tardelli daSilva, Sandra Regina L.p. Tardelli da

Procedimentos e Competências de Enfermagem: Perry & Potter

Vídeo:  https://www.youtube.com/watch?v=TBGseCTPiCQ

Nenhum comentário:

Postar um comentário